CONCURSO JOVEM PROFISSIONAL casacor/SÃO GERALDO (2021)

PUBLIC RESTROOM COMPETITION CASACOR/SÃO GERALDO (2021)

Em razão da ampla metragem quadrada proposta para o objeto do concurso, partiu-se da intenção de valorizar o interior ao criar vazios que tornassem o ambiente ocupado mais interessante e complexo. Para tanto, criou-se um percurso que primeiramente esconde para depois revelar, em etapas, o projeto. Divisórias em diagonal com um painel em ladrilhos com uma gradação de branco para o preto guiam o visitante até o ambiente dos sanitários, onde foram colocados três boxes para o público masculino, três boxes para o público feminino e um box acessível ao usuário PCD. Buscou-se desenvolver o projeto de forma que não se apresentasse de forma plena a partir de um único ponto de vista, mas sim que precisasse ser adentrado e percorrido para que fosse plenamente compreendido pelo visitante. O projeto também visa não se apresentar imediatamente como um mero “sanitário coletivo”, cujas perspectivas visuais são imediatamente dominadas pelas sequências de cabines e lavatórios, mas sim como arquitetura com toques de monumentalidade e cenografia. Pode ser dessa forma fotografado por visitantes e divulgado em redes sociais sem que este seja percebido logo de cara como “o banheiro da CASACOR”, mas sim como mais um dos pontos surpreendentes, instagramáveis, artísticos e instigantes presentes ao longo da mostra. 
O painel em gradação de branco para o preto é um gesto que remonta aos paineis de ladrilhos de Athos Bulcão e outros azulejistas presentes na cidade, como um exemplo de aplicação personalizada, singular e original de um material disponível no mercado.